As mentiras do Apocalipse Protestante! 

Corpo, Alma e Espírito?

Corpo, Alma e Espírito?

46. E Maria disse: Minha alma glorifica ao Senhor, 47. meu espírito exulta de alegria em Deus, meu Salvador” (Lucas capítulo 1)

Nessas belas palavras da Bem Aventurada por todas a geração, Maria mãe de Deus, conseguimos entender perfeitamente que um (SER) é constituído de CORPO + ALMA + ESPÍRITO, no caso dos Cristãos, somos constituídos pelo Espirito Santo de Deus, sendo assim, poderia acabar com essa doutrina maligna chamada (Mortalidade da Alma) com esses dois únicos versículos Bíblicos.

Maria diz: Sua Alma (Grego PSUCHE e do Hebraico NEPHESH) engrandece ao Senhor, ou seja, está se referindo a algo que habita em seu corpo, sendo assim, Maria, a Bem Aventurada, não se referia a ela mesma como uma Alma, muito pelo contrario, Maria se referia a algo que habita em seu (SER), pois ela usa o termo “(MINHA)”, algo que Deus deu a ela.

Depois Maria diz: Meu Espírito (Grego PNEUMA e do Hebraico RUACH) exulta de alegria, novamente vemos Maria, a Bem Aventurada, usando o termo “(MEU)”, ou seja, algos que pertence a ela e não a ela mesma, como sugere alguns “Judaizantes e TJs”.

Bem meu irmãos Católicos, vocês devem estar se perguntando, qual é o objetivo desse artigo? Eu respondo: o objetivo desse artigo é acabar de uma vez por todas com uma nova ideologia protestante; ideologia que consiste na crença de que somos uma (ALMA) ao invés de possuirmos uma (ALMA). O que esses protestantes querem com essa ideologia? Isso é simples, pregando essa ideologia satânica, eles, protestantes, conseguem perseguir a crença na intercessão do (SANTOS), pois se somos uma (ALMA), ao morrer, acaba a existência dessa (ALMA).

Essa nova ideologia maligna, prega o conceito de que não há existência de ALMA e ESPÍRITO sem um corpo físico, sendo assim, para esse herege, um corpo físico é animado pela respiração (que eles acreditam ser o Espírito) e se torna uma Alma, parando de respirar, esse corpo deixa de ser uma Alma.

Meus irmãos, vocês conseguiram identificar a presença do maligno nessa ideologia?

Os hereges acabaram com metade da Bíblia Sagrada por causa do seu ódio contra os (SANTOS) que hoje estão na casa de Deus; jogaram no lixo o livro do Apocalipse, a história do Rico e do Lázaro (que não é uma parábola como muitos diz, Jesus Cristo nunca afirmou que essa história seria uma parábola), o momento da transfiguração etc. Tudo isso para odiar os Santos homens de Deus.

Infelizmente para esses hereges, Judaizante e Tjs, a própria Bíblia Sagrada os refuta, não é difícil acabar com essa doutrina maligna, volto a colocar o texto de São Lucas narrando o “Magnificat”.

46. E Maria disse: Minha alma glorifica ao Senhor, 47. meu espírito exulta de alegria em Deus, meu Salvador” (Lucas capítulo 1)

TEXTO GREGO:

kai eipen mariam megalunei ê psuchê (ALMA) mou ton kurion kai êgalliasen to pneuma (ESPÍRITO) mou epi tô theô tô sôtêri mou.

Maria diz: Sua Alma e seu Espírito, ou seja, algo que ela possui e não a algo material, isso segue ao mesmo parâmetro do que São Paulo escreve aos Tessalonicenses:

23. O Deus da paz vos conceda santidade perfeita. Que todo o vosso ser, espírito, alma e corpo, seja conservado irrepreensível para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo!” (I Tessalonicenses capítulo 5)

Um SER VIVO é constituído de: (Corpo, Alma e Espírito).

Observem que São Paulo afirma que o (SER) possui uma Alma e um Espirito, em momento algum ele diz que o (SER) é uma Alma. Usando a astúcia de satanás, esses hereges adulteram em suas Escrituras o termo (ALMA) para o termo (VIDA), na tentativa desesperada de mudar o conceito teológico dos textos, parece brincadeira, mas é a pura verdade.

Observem esses dois textos:

21. Estendeu-se em seguida sobre o menino por três vezes, invocando de novo o Senhor: Senhor, meu Deus, rogo-vos que a alma (NEPHESH) deste menino volte a ele. 22. O Senhor ouviu a oração de Elias: a alma (NEPHESH) do menino voltou a ele, e ele recuperou a vida” (I Reis capítulo 17)

9. Acontece que um moço, chamado Êutico, que estava sentado numa janela, foi tomado de profundo sono, enquanto Paulo ia prolongando seu discurso. Vencido pelo sono, caiu do terceiro andar abaixo, e foi levantado morto. 10. Paulo desceu, debruçou-se sobre ele, tomou-o nos braços e disse: Não vos perturbeis, porque a sua alma (PSUCHE)está nele (Atos capítulo 20)

No primeiro caso, o Profeta Elias ora para que Deus retome a vida de menino que havia falecido, no caso, o Profeta, pede para que a Alma (NEPHESH) desse menino retorne ao seu corpo físico, ou seja, é a Alma (NEPHESH) que da vida ao corpo físico, se essa Alma pode voltar ao corpo físico é porque ela saiu (ou deixou) esse corpo, o que contraria a tese de que a morte do corpo físico acaba com a existência da Alma.

Já no caso de Atos dos Apostolo, São Paulo foi bem claro em afirmar que aquele rapaz no qual sofrera um acidente onde todos davam como morto; ainda estava vivo, pois sua Alma (PSUCHE) ainda estava nele, ou seja, sua morte só se daria no momento em que sua Alma não estivesse mais em seu corpo físico.

O termo usado no texto do livro de Reis em Hebraico é: (NEPHESH).

vayyithmodhêdh `al-hayyeledh shâlosh pe`âmiym vayyiqrâ''el-Adonay vayyo'mar Adonay 'elohây tâshâbh nâ' (nephesh)-hayyeledh hazzeh `al-qirbo vayyishma` Adonay beqol'êliyyâhu vattâshâbh (nephesh)-hayyeledh `al-qirbo vayyechiy

O termo usado no texto do livro de Atos em Grego é: (PSUCHE)

Katabas de o paulos epepesen autô kai sumperilabôn eipen mê thorubeisthe ê gar (psuchê) autou en autô estin

Logicamente PSUCHE no Grego e NEPHESH no Hebraico tem o mesmo sentido, o mesmo significado e a mesma tradução, no caso desse dois texto, a tradução seria (ALMA). Agora veja a astúcia de satanás na tradução desses hereges:

Descendo, porém, PAULO inclinou-se sobre ele e, abraçando-o, disse: Não vos perturbeis, que a (VIDA) nele está” (Atos capítulo 20)

"Então se estendeu sobre o menino três vezes, e clamou ao SENHOR, e disse: O SENHOR meu Deus, rogo-te que a (VIDA) deste menino torne a entrar nele. E o SENHOR ouviu a voz de Elias; e a (VIDA) do menino tornou a entrar nele, e reviveu. E Elias tomou o menino, e o trouxe do quarto à casa, e o deu a sua mãe; e disse Elias: Vês aí, teu filho vive. Então a mulher disse a Elias: Nisto conheço agora que tu és homem de Deus, e que a palavra do SENHOR na tua boca é verdade” (I Reis capítulo 17)

Conseguiram localizar uma adulteração satânica nesses textos? Simples, os hereges trocaram o termo (ALMA) por (VIDA). Assim, eles deram a entender que a vida voltou ao menino ao invés de sua Alma.

Eles (Hereges) poderiam estar corretos, se realmente o termo (Grego PSUCHE e do Hebraico NEPHESH) fosse mesmo traduzido como (VIDA) literalmente, porém, infelizmente, para esses hereges, esse termo é traduzido como (ALMA), observem o texto a seguir:

28. Não temais aqueles que matam o corpo, mas não podem matar a alma; temei antes aquele que pode precipitar a alma e o corpo na geena” (Mateus capítulo 10)

No texto Jesus Cristo diz que os homens podem matar o corpo, mas não podem matar a (ALMA). Até porque não teria sentido Jesus Cristo dizer: “Podem matar o corpo, mas não podem matar a (VIDA).”

OK, vamos então saber qual palavra o autor usou no Grego para definir (ALMA).

TEXTO GREGO:

mê ab=phobeisthe ts=phobêthête apo tôn a=apoktennontôn b=apoktenontôn ts=apokteinontôn to sôma tên de (psuchên) mê dunamenôn apokteinai a=phobeisthe tsb=phobêthête de mallon ton dunamenon kai b=[tên] (psuchên) kai b=[to] sôma apolesai en geennê

Que coisa interessante! O autor usou o termo (PSUCHE) para se referir a Alma, esse termo é a tradução Grega de (NEPHESH), sendo assim, o texto de Reis e Atos usados pelos protestantes onde se ler (VIDA) ao invés de (ALMA), passou por uma adulteração satânica em um tentativa frustrada de mudar o sentido teológico do texto.

O termo vida em Hebraico é escrito dessa forma: (Hayim).

Obs.

*Abaixo eu explicarei que (NEPHESH) pode ser usado como (VIDA), desde que a tradução não mude o sentido teológico do texto.

Agora eu poderia criar uma verdadeira polêmica nesse assunto! Pois eu diria que em certas ocasião poderíamos sim traduzir (NEPHESH) como vida, então o protestante diria que eu estaria sendo contraditório. Pois bem, assim como em nossa gramática tudo tem suas exceções, também no Hebraico e no Grego possui suas exceções, desde que essas exceções não mude o sentido teológico do texto.

Pensem comigo, nos textos de Atos e Reis, os autores deixam bem claro que o corpo retoma a vida depois que sua Alma retorna ao corpo, sendo assim, eu concluo que a Alma dá vida ao corpo, ou seja, Alma é a vida do corpo, em certos texto eu poderia sim traduzir Alma (NEPHESH) por vida. Como por Ex:

30. Se, para resgatar sua vida, lhe for imposta uma quitação, ele deverá dar todo o preço que lhe tiver sido imposto” (Êxodo capítulo 21)

Observem esse texto, nele vemos o termo (VIDA) sendo usado como regaste ou uma retomada, porém, no Hebraico esse texto usar o termo (NEPHESH) onde vimos que a tradução literal é (ALMA), mas por que podermos traduzi-lo como Vida? Simples, se você mudar a palavra Vida para Alma não mudará o sentido teológico do texto, pois é a Alma que dá a Vida ao um corpo físico, ou seja, resgatar a (VIDA) ou a (ALMA) no texto daria o mesmo sentido. O importante é você ter a consciência de que a Alma dá Vida ao corpo físico, contrariando o que esse hereges pregam, pois eles dizem que a Vida transforma o corpo em uma Alma, mas isso entra em contradição com o que São Tiago afirma em sua carta. Observem o texto:

26. Assim como o corpo sem a alma é morto, assim também a fé sem obras é morta” (Tiago capítulo 2)

Um simples verso acaba com toda essa ideologia satânica, São Tiago, Apóstolo de Jesus Cristo, diz que o (CORPO) sem (ALMA) é morto, ou seja, o corpo para ter vida necessita de uma Alma.

Até ai ficou bem claro a todos, um corpo físico passa a ser animado quando ele obtêm uma Alma e animado pela Alma esse corpo se transforma em um (SER VIVO); sendo assim, a morte ocorre quando a Alma deixa esse corpo, da mesma forma, esse corpo em certas ocasiões retoma Vida com o retorno de sua Alma, sem nos esquecer que o termo Alma, pode até ser usado como Vida, desde que o texto deixe bem claro ao leitor que essa vida ocorre com a união dessa Alma ao corpo físico.

Vamos passar a outro tema sobre esse assunto, o que seria o Espírito?

O termo Espírito (PNEUMA) muitas vezes é confundido com o termo Alma, isso ocorre porque nas Escrituras Sagradas, muitas vezes os autores usam o termo Espírito no lugar de Alma. Então você me pergunta: O autor inspirado errou? Eu respondo: claro que não, para entender o porque isso ocorre, temos que entender o real significado teológico do termo Espírito.

Literalmente Espírito significa: Respiração, os apologistas mais modernos, dizem que se trata do próprio oxigênio que respiramos, porém, existe um erro na exegese desses apologistas, pois o texto de Gênesis não fala de algo que respiramos e sim algo soprado em nós.

7. E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou-lhe nas narinas o fôlego da vida; e o homem tornou ser vivente” (Gênesis capítulo 7)

Esse fôlego de vida soprado nas narinas do homem, nada mais é, do que germe Divino que habita em nós, em todo o nosso ser, sendo assim, é o próprio Espirito Santo de Deus que hoje recebemos através do Batismo.

Observem como após a ressurreição, Jesus Cristo recriando toda a humanidade sem o pecado original, faz o mesmo processo que Deus fez em Gênesis, Jesus Cristo sopra o Espirito Santo sobre os Apóstolo.

21. Disse-lhes outra vez: A paz esteja convosco! Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio a vós. 22. Depois dessas palavras, soprou sobre eles dizendo-lhes: Recebei o Espírito Santo(João capítulo 20)

Bem, Alma e Espírito não são a mesma coisa, mas estão ligados um ao outro, ai entra a questão do porque alguns autores trocavam o termo Alma por Espírito. Eu costumo dizem, de uma forma figurada que Espírito é o adjetivo da Alma, lógico que isso é figurado, mas para dar um raciocínio literal ao Espírito podemos dizer que ele é a qualidade da sua Alma; pois o homem possui uma Alma que lhe dá vida e um Espírito, porém, esse Espírito nem sempre é o Espírito Santo de Deus, temos os Espíritos malignos que nos rondeiam. Qual a conclusão? Você tem uma Alma que te dá vida, mas pode ter um Espirito bom ou um Espirito ruim, Deus queria que todos fossem inspirados pelo Espirito Santo de Deus, mas não é isso que vemos por ai, inclusive dentro de Igrejas (Seitas). O que é lamentável.

Voltando ao assunto, quando o autor usa o termo Espírito no lugar de Alma, geralmente ele se refere a um homem Santo, isto é, alguém revestido pelo Espirito Santo, ao dizer que o Espírito volta a Deus ele se refere aquela Alma revestida em todo o seu ser pelo Espírito Santo de Deus.

Observem esse texto:

59. E apedrejavam Estêvão, que orava e dizia: Senhor Jesus, recebe o meu espírito. 60. Posto de joelhos, exclamou em alta voz: Senhor, não lhes leves em conta este pecado... A estas palavras, expirou” (Atos capítulo 8)

Quando Santo Estevão diz: (Receba o meu Espírito), ele se referia a sua Alma toda revestida pelo Espírito Santo de Deus, até porque o Espírito Santo é um só.

Pode ser que um herege venha insinuar que eu estou inventando história para defender a Imortalidade da Alma; sendo assim, eu vou provar com outros textos Bíblicos onde nos ensinar a nos prepararmos para que Deus receba a nossa Alma e não apenas o Espírito.

18. E, se o justo se salva com dificuldade, que será do ímpio e do pecador? 19. Assim também aqueles que sofrem segundo a vontade de Deus encomendem as suas almas ao Criador fiel, praticando o bem” (I Pedro capítulo 4)

São Pedro diz para encomendarmos nossas Almas ao Criador, será que Santo Estevão se esqueceu disso? Claro que não, ele encomendou toda sua Alma revestida pelo Espírito Santo de Deus.

Nas mesma carta São Pedro diz:

6. Pois para isto foi o Evangelho pregado também aos mortos; para que, embora sejam condenados em sua humanidade de carne, vivam segundo Deus quanto ao espírito (I Pedro capítulo 4)

Nesse texto acaba essa heresia, São Pedro afirma que o Evangelho fora pregado para aqueles que estavam mortos, ou seja, o que quebra totalmente essa doutrina maligna de mortalidade da Alma. O mais interessante nesse texto é que mesmo depois de mortos, Jesus Cristo foi levar o Espirito Santo a esses mortos.

Agora vamos ver um exemplo do (AT).

3. Agora, Senhor, toma a minha alma, porque me é melhor a morte que a vida (Jonas capítulo 4)

As palavras de Jonas, o profeta, são claras, ao preferir morrer ele diz ao Senhor: (Toma a minha Alma). Fica evidente que a morte física ocorre quando a Alma desencarna do corpo físico, ao contrario ele diria, Senhor MATE MINHA ALMA.

Agora vamos colocar aquele famoso texto de Apocalipse:

9. Quando abriu o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos homens imolados por causa da palavra de Deus e por causa do testemunho de que eram depositários. 10. E clamavam em alta voz, dizendo: Até quando tu, que és o Senhor, o Santo, o Verdadeiro, ficarás sem fazer justiça e sem vingar o nosso sangue contra os habitantes da terra? 11. Foi então dada a cada um deles uma veste branca, e foi-lhes dito que aguardassem ainda um pouco, até que se completasse o número dos companheiros de serviço e irmãos que estavam com eles para ser mortos (Apocalipse capítulo 6)

Bem, nesse artigo, eu nem quero entrar nas questões escatológica (Preterista e Futurista), pois não iria mudar nada na teologia desse texto, pois vemos as Almas dos Santos que foram martirizados e se encontravam no Reino dos Céus, ainda mais, esperavam seus irmão que ainda iriam passar pelo martírio, sendo preterista ou futurista, na escatologia do apocalipse esse evento ocorre antes da ressurreição dos morto, ou seja, essas Almas não dependeram de um corpo físico para sua existência.

Para terminar essa parte do artigo, vou colocar o texto de Hebreus, onde o autor afirma que Alma e Espírito não são a mesma coisa e podem ser divididos um do outro.

12. Porque a palavra de Deus é viva, eficaz, mais penetrante do que uma espada de dois gumes e atinge até a divisão da alma e do espírito, das juntas e medulas, e discerne os pensamentos e intenções do coração” (Hebreus capítulo 4)

Aqui vemos claramente a afirmação que Alma pode ser dividida do Espírito, também diz que a Alma e Espírito podem ser divididos das juntas e medulas, ou seja, do copro físico.

Vamos passar para o último tema a ser abordado, pois da mesma forma que eu afirmo que a Alma é Imortal, também posso afirma que existe a morte da Alma. Parece contradição, mas é a pura verdade, a Alma Imortal também morrer, isso é fato! O problema é identificar de que morte estamos nos referindo.

Os textos mais usados pelos Mortalistas da Alma são esses:

20. saiba: aquele que fizer um pecador retroceder do seu erro, salvará sua alma da morte e fará desaparecer uma multidão de pecados” (Tiago capítulo 5)

4. Eis que todas as almas são minhas; como a alma do pai, também a alma do filho é minha; a alma que pecar, essa morrerá (Ezequiel capítulo 28)

Olhando para esses texto, conseguimos perceber perfeitamente que a Alma morre, ou seja, a Alma do pecador morre, porém, essa morte não é literal (deixar de existir), essa morte é Espiritual, ou seja, é uma perca de qualidade. Vou colocar um exemplo da linguagem popular:

Quantas mulheres se sentem viúvas com seus maridos vivos?

Filhos que se sentem órfãos de pais vivos?

Vou citar um exemplo bíblico:

1. Ao anjo da igreja de Sardes, escreve: Eis o que diz aquele que tem os sete Espíritos de Deus e as sete estrelas. Conheço as tuas obras: és considerado vivo, mas estás morto(Apocalipse capítulo 3)

Jesus Cristo fala de uma comunidade, ele diz: (és considerado vivo, mas estás morto).

Como explicar uma situação dessas se não for algo Espiritual?

Mas a própria Bíblia Sagrada explica o que seria essa morte da Alma Imortal, observem esses textos:

4. Pois se Deus não poupou os anjos que pecaram, mas os precipitou nos abismos tenebrosos do inferno onde os reserva para o julgamento” (II Pedro Capítulo 2)

6. Os anjos que não tinham guardado a dignidade de sua classe, mas abandonado os seus tronos, ele os guardou com laços eternos nas trevas para o julgamento do Grande Dia. 7. Da mesma forma Sodoma, Gomorra e as cidades circunvizinhas, que praticaram as mesmas impurezas e se entregaram a vícios contra a natureza, jazem lá como exemplo, sofrendo a pena do fogo eterno (Judas capítulo 1)

Os dois textos são parecidos, falam do mesmo fato, São Pedro e São Judas, afirmam que as Almas daqueles que morreram na iniquidade junto com os Anjos decaídos; fora jogadas no inferno para sofrerem os tormentos eternos até o Juízo.

Essa é a primeira morte, ou seja, as Almas dos iníquos ficam aguardando o juízo nos tormentos do inferno, porém, temos a segunda morte para essas Almas, isso depois do juízo, nessa segunda morte o inferno todo será jogado em um tanque de fogo, haverá a separação total do bem e do mau e lá ficarão eternamente.

“14. A morte e a morada subterrânea foram lançadas no tanque de fogo. A segunda morte é esta: o tanque de fogo. 15. Todo o que não foi encontrado inscrito no livro da vida foi lançado ao fogo”

(Apocalipse capítulo 20)

Mas o protestante pode me questionar com a seguinte pergunta: na segunda morte a Alma sim será destruída sendo jogada no lago de fogo? A resposta também é simples: se você pegar apenas esse texto do Apocalipse para forma a sua doutrina, podemos concluir que o tanque de fogo seria a destruição total da Alma, pois nesse texto não faz referencia aos tormentos eternos, porém, a Bíblia Sagrada possui (73) livros, onde cada livro está ligado ao outro, sendo assim, um livro completa as informações que faltam no outro. Vamos ler o que Jesus Cristo diz em Mateus sobre o mesmo assunto:

31. Quando o Filho do Homem voltar na sua glória e todos os anjos com ele, sentar-se-á no seu trono glorioso. 32. Todas as nações se reunirão diante dele e ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos. 33. Colocará as ovelhas à sua direita e os cabritos à sua esquerda (Mateus capítulo 25)

Nesse texto Jesus Cristo diz que no juízo ele ira separar o justo do iníquo, colocando o justo a direita e o iníquo a esquerda, ou seja, separando o bem do mal. Vamos continuar o texto e entender o que acontecerá com o justo a direita:

34. Então o Rei dirá aos que estão à direita: - Vinde, benditos de meu Pai, tomai posse do Reino que vos está preparado desde a criação do mundo (Mateus capítulo 25)

Opa! Que maravilha, os justos, as Almas que estavam debaixo do Altar de Deus em Apocalipse, agora após a ressurreição diante do juízo terão como recompensa O REINO. Agora vamos continuar o texto e entender o que acontecerá com o iníquo a esquerda:

41. Voltar-se-á em seguida para os da sua esquerda e lhes dirá: - Retirai-vos de mim, malditos! Ide para o fogo eterno destinado ao demônio e aos seus anjos....46. E estes irão para o castigo eterno, e os justos, para a vida eterna (Mateus capítulo 25)

Nesse texto podemos entender claramente o que acontecerá com o iníquo jogados no tanque de fogo (segunda morte) e que estava no inferno aguardando o juízo. Esse iníquo continuará sofrendo, porém, agora julgado e colocado as claras o porque ele fora condenado.

Observem como não é difícil o entendimento de Corpo, Alma e Espírito, o problema é querer formar doutrinas com textos pinçados isoladamente. Unindo todos os texto que se referem ao mesmo assunto, conseguimos uma exata conclusão.

Mais um mentira protestante cai por terra, ou terminar com o texto de Flavio Josefo, judeu e escritor, ele sendo fariseu deixou escrito qual era a crença Judaica sobre esse assunto.

Não tememos aqueles que só podem matar o corpo, porque sabemos que tormentos eternos esperam num outro mundo os que não guardam seus mandamentos e nos devemos armar de uma firme resolução de obedecer à sua vontade, a fim de que, depois de nossa morte, Abraão, Isaque e Jacó, e nossos outros santos predecessores, nos recebam com alegria para participarmos de sua glória" (Flavio Josefo, livros único, capítulo XI)

Segundo Flavio Josefo, o Seio de Abraão não era uma parábola, existia, era real e era crença entre os Santos e Profetas Hebreus, ou seja, ao morrer o Santo era recebido pelos patriarcas, já o ímpio era jogado nos tormentos eternos.

POVO protestante, Jesus Cristo não mentiu na história do Rico e do Lázaro não, ok.

Autor: Cris Macabeus.

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
ONLINE
9


Cai a farsa.

Pro Ecclesia.

Servos de Maria.

Apologistas Católicos.

Índice de Mentiras.

Quem sou eu.